AEPI

Língua : EnglishPortuguese

Departamento de Agricultura

PALESTRA SOB LEMA ESPÍRITO DE INVESTIGAÇÃO EM ESTUDANTES DO ENSINO SUPERIOR EM MOÇAMBIQUE

Decorreu hoje, 15.02.2022, a palestra sob lema: Espírito de investigação em Estudantes do Ensino Superior em Moçambique: desafios e oportunidades, que teve lugar na Unilúrio Business School, no âmbito do programa “Semana de promoção da investigação científica”.

Na ocasião, Marchal Manufredo, orador principal da palestra, arrolou dentre vários desafios; a ausência da vontade de pesquisa nos estudantes, que por consequência disso, cria uma sociedade académica estagnada, mas com muitos problemas por resolver. A Universidade mais que um lugar de ensino e aprendizagem, é um lugar de pesquisa, por excelência. Vincou o presidente da AEIP.

Não obstante os desafios, o orador reconhece as oportunidades que o país dispõe, mas que precisam de mecanismos adequados para aproveitá-las, e uma das ferramentas para isso, é o cultivo de espírito de investigação nos estudantes.

Na mesma senda, a directora da Unilúrio Business School, aplaudiu e encorajou a iniciativa de escalar àquela unidade académica e desejou mais determinação com vista a perpetuação de programas do gênero por parte da AEIP. São estas iniciativas que o estudante actual precisa para saber que não há ciência sem investigação. Concluiu a docente.

Contudo, a palestra contou com a presença de estudantes de cursos como contabilidade, economia, e docentes da direcção daquela unidade académica.

No final, deu-se por encerrada a palestra com a promessa de mais um dia voltar.

Att: Direcção de Programas
Depois da UniLúrio Business School, hoje, 17/02/2022, a palestra foi na Faculdade de Ciências de Saúde. Director de projectos da AEPI, Tauancha Candieiro, foi o orador da palestra. Em sua exposição o orador tentou trazer a importância da investigação no contexto existencial do país e do mundo nos últimos tempos, marcado pela pandemia da covid-19, que moveu vários pesquisadores do mundo inteiro na busca de soluções e de alternativas em vista a mitigar a sua propagação. Com efeito, pode-se ver o papel de um pesquisador na sua sociedade numa altura em que todos estão de olhos virados ao pesquisador para que este possa esclarecer e acabar com a evolução desta pandemia global. Por outro lado, o orador entende que Moçambique enfrenta entre outros desafios, a falta de investimento na área de investigação, o que desfalece o espírito de pesquisa.

Refira-se que hoje marcou igualmente o fim da primeira semana de promoção da investigação científica sob lema: Espírito de pesquisa em estudantes do ensino superior em Moçambique: desafios e oportunidades.

Os nossos agradecimentos vão para todos envolvidos na materialização desta actividade; ao conselho científico da AEPI, a T-MCEL que sempre esteve connosco. Um agradecimento especial à Universidade Lúrio.

Bem haja AEPI.

JUNTOS PELA PESQUISA!

#DIRECÇÃO DE PROGRAMAS

RELATÓRIO DE ESTUDO FEITO NO DISTRITO DE RAPALE

O presente relatório resulta do estudo feito no distrito de Rapale no ambito do projecto sob tema Implicações Psicopedagógicas da Reintegração dos Alunos Deslocados e Reassentados no Processo de Ensino e Aprendizagem – Estudo de caso no distrito de Nampula e Meconta – Moçambique.

O relatório tem por objectivo inteirar-se acerca das dificuldades que os alunos deslocados e reassentados enfrentam apos a saida das suas zonas de origem devido a instabilidade perpetrada pelos homens classificados como um atentado terrorista desde Outubro de 2017. Situação que compromete não sό a vida humana, como também o desenvolvimento do país e da província de modo particuar, com maior enfoque para o sector sector da educação que, devido a sua delicadeza, impulsionou o presente estudo.

Tendo em conta que o sector da educação é um dos pilares no desenvolvimento do país em todas esferas. Paralelamente a isso, esta pesquisa objectiva realizar um estudo a fim de compreender os desafios e ou implicações psicopedagógicas que possam advir do deslocamento dos alunos vítimas dos confrontos armados protagonizados pelos insurgentes no norte da província de Cabo Delgado.

Palavras chaves: Alunos, Implicações

Psicopedagόgicas, Ensino, Aprendizagem.